terça-feira, 7 de julho de 2009

Onde está o AMOR...?

Onde está? Quem é? Onde vive? Do que se alimenta? Como sobrevive? O que quer? Como se expressa? Como vive? Como morre? Por que é tão corajoso? Por que é tão desafiador? Por que e tão apavorante? Por que e tão sensual? Por que e tão sem horário? Por que as vezes se atrasa? Por que noutras se adianta? Por que e tão delicado? Por que e tão frágil? Por que e tão forte? Por que as vezes é tão longevo? Por que as vezes não dura? Que cor tem? Que gosto tem? Com quem se parece? Qual seu valor? Tem cheiro? Quantos lados tem? É singular? É plural? Tem gênero? Tem pouso certo? É privilégio de alguns? Todos conhecem? Há quem não goste? Há quem não queira? Há quem desconheça? É puro? É misturado? É trágico? É cruel? É plácido? É redentor? Perdoa tudo? Perdoa todos? É parceiro da paixão? Rivaliza com a paixão? É filho da paixão? Advém do tesão? Convive bem com os outros sentimentos? Sobrevive sem outros sentimentos? É feliz? É triste? É incondicional? É transitivo? É recíproco? Existe mesmo? Todos querem? Todos buscam? Porque? Onde está? Está? Onde?

Retórica....
Buzz
(MSC)

1 Comments:

Blogger Daisy Fornari said...

Será amor???? não sei, mas, atormenta!!!
estou te seguindo agora...

8/04/2009 01:33:00 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home