sexta-feira, 14 de outubro de 2011

As vezes no silêncio da noite...

"As vezes, no meu dia faz-se noite... E na minha noite, me perco, procurando me encontrar... E corro, corro corro... Em busca de uma luz, de um olhar que me ilumine... E as vezes vejo tantas possibilidades, que me sinto extasiado... E não consigo sair do lugar... É tudo tão escuro, que só enxergo pra dentro de mim... Porque na minha mente é tudo tão claro, tudo tão mágico... Será que você me vê? Será que vou te encontrar na escuridão de mim mesmo? Por favor, me olha... E não tenha medo do escuro... Tudo que preciso é um sorriso, e um olhar que me ilumine, me acenda... E se eu um dia, na minha noite, eu te encontrar, e te ver sem enxergar, é que talvez na minha escuridão eu não possa me mover...! E não é por não te querer, é porque talvez eu não consiga mais me ver..."
.
Buzz
(MSC)

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home