quinta-feira, 14 de maio de 2009

Transcendentalismos viajandélicos...!

- A mentira é silenciosa e discreta e não ronca.
Quem dorme com a mentira, acorda tarde demais.

- Não tente ver além de sua capacidade.
Você pode ver apenas o que QUER ver.

- Quando conforntado com algo menos que positivo, pense.
O que vale mais: a certeza do que é bom ou a incerteza do mal?

- O sucesso não manda flores. Corra atrás de seu destino.

- Nada é tão bom que perdure para sempre.
Nem tão ruim que não possa melhorar em breve.

- O óbvio nem sempre é tão óbvio assim.
As vezes está tão aparente que se esconde atrás da sua própria cegueira.



- Erre, mas com consciência do que faz. Assuma, se as consequências aparecerem. Arrisque-se, mas sabendo que você pode perder tudo que construiu num piscar de olhos. E quando nada mais der certo, reconheça. E se desculpe.

- Não crie moral onde não precisa. Seja a idade que tens, com a compreensão do todo.

- Inocência e educação não são valores.
São características. Saiba usá-las quando necessário.

- O outro nunca será seu. Ele é ele. E você não é uma prisão.

- Discorde, mas com elegância. Indique mas não retruque.
Se você perder a paciência a revolta será iminente em igual ou maior proporção.

- Se você não gosta de caos, não busque o desalinho. A entropia é inerente e só precisa de um sopro para destruir um universo.

Buzz
(MSC)

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home